Mamusca – Para grandes, pequenos e pequeninos

Espaço integrado para que pais e filhos se divirtam juntos (e sem frescuras)

Um novo conceito de vivência familiar: Mamusca, um lugar para “grandes, pequenos e pequeninos”. Um lugar onde pais, mães e crianças, gestantes, bebês e mamães recentes poderão passar deliciosas manhãs ou tardes com atividades pensadas para cada uma delas. Tudo isso com um café incrível, que serve comidinhas caseiras e gostosas em um ambiente pensado para que os adultos possam ficar lá relaxando, comendo ou até trabalhando (tem wi-fi e não tem musiquinha infantil ao fundo). É a vida moderna realmente chegando no Brasil.

Uma coisa legal e diferente oferecida pelo Mamusca será a “escola para pais”. São atividades pensadas para que pais e mães saibam como brincar com seus filhos de maneira lúdica, criativa e carinhosa. Pode parecer estranho mas essa demanda é mais recorrente do que as próprias donas imaginavam. “Tenho várias amigas que são mães dedicadas mas que simplesmente não sabem brincar com seus filhos!“, diz Elisa Roorda, uma das sócias. “E não tem problema nenhum, o importante é buscar ajuda e topar entrar na brincadeira”, conclui. Os profissionais do Mamusca mostrarão que brincar não tem muito segredo, mas tem vários atalhos. Uma das formas de interagir com as crianças será a montagem de kits criados exclusivamente pelo Mamusca com o qual pais e filhos constroem juntos um super heroi (genérico, sem qualquer alusão a nenhum heroi midiático), um carrinho de madeira, um colar de fadas e por aí vai.

Mamuska - Para grandes, pequenos e pequeninos

Para grandes, pequenos e pequeninos

Para as crianças o Mamusca terá atividades relacionadas às artes, dança, culinária, yoga, música, meio ambiente entre tantas outras. Todas elas acontecem em uma das seis salas ou até mesmo no jardim (com direito uma linda jabuticabeira e horta orgânica). Profissionais trabalham seguindo o conceito de “playworkers” – profissão regulamentada na Grã-Bretanha que reúne elementos da pedagogia e psicologia infantis com ênfase no brincar. O playworker nunca sugere uma brincadeira, ele observa a criança e facilita o brincar se for chamado. É uma tendência mundial que chega ao Brasil. Os pequeninos que sequer andam tem um espaço só deles com brinquedos e tudo pensando para um início de vida bem criativo e humanizado.

Gestantes terão uma área reservada só para elas onde atividades como yoga, flamenco, massagens e encontros informativos para ajudá-las neste período tão importante da vida. Para o Mamusca o pós-parto é tão ou mais importante que a gravidez. E por isso há uma programação totalmente focada para as mulheres que se transformaram em mães: yoga e ginásticas pós-parto, dicas de aleitamento e grupos que promovem troca de conhecimento sobre esta fase. Um plantão gratuito pós parto semanal com a especialista Dulce Amabis ajudará a desvendar os caminhos para uma vida equilibrada após o nascimento do bebê.

O nome Mamusca veio das famosas bonequinhas russas, que se encaixam uma na outra. Grandes, pequenas e pequeninas. O espaço, que era apenas um terreno vazio, foi todo criado pelo Estúdio Vitor Penha. A concepção arquitetônica visa o maior aproveitamento da luz natural, com espaços integrados e planejados para a livre expressão das crianças. Elas podem desenhar nos vidros, nos painéis de azulejos e nas paredes de lousa. Sim, rabiscar é permitido! A construção feita com blocos e tubulações aparentes é cenário para que móveis, objetos vintage e brinquedos antigos garimpados em feiras e lojas especializadas tragam aquela pegada de “casa da vovó”. A comunicação visual do local, ficou por conta da sócia Janaína Faertes Pereira, que é diretora de arte, criando um universo lúdico no imaginário de percepção de uma criança e de seus familiares.

Mamuska - Para grandes, pequenos e pequeninos

Poderíamos terminar aqui mas esse texto da Elisa e da Janaína é tão inspirador que resolvemos deixá-lo na íntegra para você sacar a essência deste sonho.

Não é fácil ter filho pequeno. Vira e mexe a gente passa por algum aperto e descobre que simplesmente não existem muitas opções de programas com os filhotes. Não é engraçado? O mundo está preparado pra mandar o homem pra Lua mas não pra acomodar pais com filhos pequenos. Pelo menos não de um jeito bacana. E foi daí que veio a nossa ideia de montar um lugar que simplesmente não existia. Resolvemos construir nós mesmos esse lugar, com tudo feito sob medida para os pequenos. Fomos atrás de receitas gostosas para quem ainda nem tem dente, achamos uma louça linda e que não quebra pra nenhum pai ter que se preocupar com isso, enchemos o saco dos nossos amigos pais para descobrir o que eles e os filhos queriam fazer… e o que não queriam! Procuramos uma jabuticabeira para o nosso quintal e botamos ela a prova, fazendo testes de escalabilidade para garantir que os pequenos conseguissem subir. E, por fim, estabelecemos uma regra: desencanar de todas as regras. E fazer um lugar em que pais, mães e filhos possam, acima de tudo, curtir bons momentos juntos. É daí que vem o nosso nome: Mamusca é aquela bonequinha que abriga uma boneca menor, que abriga outra, e outra, e outra… Tudo a ver com a nossa proposta: grandes, pequenos e pequeninos dividindo o mesmo espaço, trocando experiências e cuidando uns dos outros“.

Elisa Roorda, mãe da Nina (4 anos) e da Sofia (1 ano), e Janaína Faertes Pereira, mãe do Joaquin (6 anos).

Mais informações no site:www.mamusca.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.