Na Semana das Mães, Mulheres Falam sobre os Desafios da Maternidade

O apoio e os benefícios que as empresas oferecem são cruciais para a jornada de ser mãe

Os desafios de uma gravidez durante a pandemia e as incertezas da primeira gestação fizeram parte da história de vida da biomédica Mércia Santos de Oliveira que, em 2021, aos 30 anos, trouxe ao mundo o pequeno Benício, em Brasília.

Quando a pandemia foi decretada, estava no começo da minha gestação e a área em que atuo (o setor de biologia molecular do Grupo Sabin) foi chave para a realização dos exames de Covid-19. Enfrentamos a primeira onda e, durante a segunda, descobri que esperava o meu pequeno Benício. Era a minha primeira gestação acontecendo em meio a um cenário delicado e cheio de incertezas. E eu, mãe de primeira viagem, me senti extremamente fragilizada”, relata. Mércia descreve ainda como o apoio e acolhimento dentro da companhia ajudou a superar os desafios e os medos durante os nove meses de gestação. “Nós, mulheres grávidas, tivemos um acompanhamento da área de medicina ocupacional e isso me deu mais segurança. Me senti amparada e forte para proteger o meu bebê”.

Hoje, com Benício no colo, a biomédica também destaca a importância dos benefícios corporativos para a jornada maternal. “A gestação e o puerpério trazem muitas transformações, físicas e psicológicas e não é fácil manter o equilíbrio diante de tantos acontecimentos em um prazo tão curto de tempo. É gratificante estar em uma empresa que me proporciona auxílio- creche do nascimento até a criança completar um ano e licença maternidade estendida de seis meses”, celebrou.

Em Franca, interior de São Paulo, Even Larissa Bueno Macedo, auxiliar técnico operacional do Sabin também tem seu relato. “Aos 28 anos, estou vivendo o momento mais incrível da minha vida. Tenho o meu pequeno Theo nos braços e esta sensação de amor pleno supera todo os dias de insegurança e instabilidade emocional que vivi durante a minha gestação”.

Even também viveu a gravidez durante a pandemia, em 2021. “Senti muito medo, mas recebi o suporte que precisava para me adaptar a esta realidade. O acolhimento e o cuidado durante os noves meses de gestação dentro da unidade de atendimento foram fundamentais, sem falar o quanto o plano médico me deu a segurança em um dos momentos mais delicados, a cirurgia de emergência que tive que fazer com quatro meses de gestação. Se não fosse este benefício, eu nem imagino como estaria hoje”, relembra.

Emocionada, a jovem, que ainda não retornou ao trabalho, celebra a vantagem da licença maternidade estendida. “Aqui em casa, com o meu Theo, tenho a segurança de cuidar dele com todo o meu amor e carinho. Isso não tem preço”.

As histórias de Mércia e Even se confundem com as de outras milhares de mulheres nos quatro cantos do mundo. A diferença é que elas encontraram no apoio e na atenção especial do Grupo Sabin a tranquilidade e o suporte que precisavam para seguir nesta jornada chamada maternidade.

“Entendemos que a maternidade, biológica ou de coração, é uma fase muito especial na vida de toda mulher. Este período traz novas descobertas e aprendizados, anseios, mais emoções e novas curiosidade. Hoje, nossas mulheres representam 77% do nosso quadro de colaboradores, sendo 74% em cargos de gestão. Oferecer a elas cuidado, segurança, acolhimento e benefícios nesse período da gestação e maternidade, corrobora com o nosso propósito de ‘Inspirar pessoas a cuidar de pessoas’. No Sabin todas as mães são valorizadas por serem exatamente como são”, observou a diretora de Gente e Gestão Marly Vidal.

Grupo Sabin


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.