O que é Yoga Pré-natal?

Os exercícios do Yoga pré-natal são semelhantes aos do Yoga tradicional, porém voltados para as necessidades das gestantes.

Muita gente pensa que a prática do Yoga pré-natal é algo parado, sem exercícios vigorosos, com entoação de mantras e respirações. Esses dois últimos são de grande importância também, mas gostaria de esclarecer alguns detalhes sobre as aulas de Yoga para Gestantes… não é uma prática diferente do Yoga em si, tradicional. Mas há sim muitas vantagens em se praticar em uma turma especialmente para gestantes, pois as alunas podem manter o mesmo ritmo durante os ásanas (exercícios psicofísicos), além de praticar os pranayamas (exercícios respiratórios) de maneira correta para esse período gestacional, que não requer retenção de ar.

O Yoga pré-natal traz força, vigor, autoconhecimento. Melhora a respiração, a condição física, prepara psicologicamente a mulher para ser mãe, traz consciência corporal, autoestima, e muita atenção e concentração, necessárias para a hora “H”, o parto em si.

Yoga pré-natal - Adriana Vieira - Foto: Loraine Prokisch
Foto: Loraine Prokisch

Quando se tem uma turma de gestantes, podemos trabalhar mais os ásanas (posturas de yoga) que irão amenizar alguns incômodos nessa fase, como dores lombares, no ciático. Praticamos também exercícios que ajudam a liberar o diafragma, que fica mais limitado com o crescimento do bebê, e para isso, utilizamos os pranayamas (respirações). E claro, trabalhamos bastante o fortalecimento do assoalho pélvico (que recebe o peso do bebê) e do períneo, músculo que precisa estar forte (e não rígido) e ao mesmo tempo flexível, para um parto ativo e para o pós-parto saudável, livre de incontinência urinária. Outro ponto importante é relaxar e deixar mais flexível a região pélvica, fazendo exercícios laterais, rebolando, alongando, andando, caminhando…

O preparo que o yoga pré-natal visa é levar para as futuras mamães a consciência do “ser mãe”. Então, os relaxamentos e o yoga nidrá trazem essa consciência física e psicológica, ou seja, prepara as mulheres para o nascimento do bebê, mas também para o nascimento de uma nova mulher: a Mãe.

Seguem algumas dicas de ásanas para se praticar durante a gestação (sempre com um profissional por perto)

Posturas que expandem a caixa torácica, fortalecem pernas e restauram o vigor:

Postura do Triângulo (Trikonasana) – Foto: Loraine Prokisch

Postura do Triângulo (Trikonasana) - Yoga pré-natal

Postura da Meia Lua (Ardha Chandrasana) – Foto: Adriana Vieira

Postura da Meia Lua - Yoga pré-natal

Postura para fortalecer coluna e aliviar o peso da barriga

Postura do gato (Mayurasana) – Foto: Adriana Vieira

postura do gato (Mayurasana) - Yoga pré-natal

Postura que relaxa a região pélvica e coluna

Postura da borboleta (Bhada konasana) – Foto: Adriana Vieira

Postura da borboleta (Bhada konasana) - Yoga pré-natal

Postura que fortalece o assoalho pélvico, períneo, pernas, e traz concentração

Postura de cócoras (Malasana) – Foto: Loraine Prokisch

Postura de cócoras (Malasana) - Yoga pré-natal

Postura que firma o glúteo, fortalece períneo, coxas, pernas

Ponte (Setu Bandha Sarvangasana) – Foto: Loraine Prokisch

Ponte (Setu Bandha Sarvangasana)

E para relaxar: sempre deitar-se na lateral esquerda! – Foto: Adriana Vieira

Relaxamento - Yoga pré-natal

Atenção: a prática de yoga deve ser iniciada após a liberação de sua (seu) obstetra, como qualquer outra prática de exercícios físicos.

Ao fazer em casa, ou em grupo, você deve também ter o acompanhamento de um(a) instrutor(a) de yoga com especialização em yoga pré-natal.

Toda prática de Yoga visa trazer energia, renovar, recarregar! Namastê!

Tudo de bom pra VC e pro seu BB!

Adriana Vieira

Instrutora de Yoga Pré-Natal, Babyoga, Shantala e Doula Adriana Vieira - Colunista do Guia do Bebê Instrutora de Yoga, pós-graduada em Ha...

Veja o perfil completo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *