Qual o papel da doula em um parto normal ou cesárea?

Até hoje tenho dificuldade de responder esta pergunta porque é mais fácil dizer o que NÃO é papel da doula. Mas vou tentar explicar!

Na gestação a doula cuida do “pré-natal emocional”, que envolve ouvir a gestante com suas angústias e medos, conversar e explicar como o corpo se prepara para o nascimento do bebê, o que ela precisa fazer para se preparar para o parto e o que ela deve esperar para o pós-parto.
Para resumir é tudo que envolve a gestação, como o enxoval, a escolha do obstetra, da maternidade, entre outros. E tudo que envolve o parto como fisiologia do parto, fases do trabalho de parto e cuidados após, além de amamentação e cuidados com o bebê. Esse acompanhamento complementa e JAMAIS substituiu o acompanhado médico que monitora o crescimento do bebê e a saúde da gestante.
 
No dia do parto a doula é a primeira pessoa a ser contactada quando a gestante achar que está entrando em trabalho de parto. A partir deste momento a doula fica de sobreaviso orientando a gestante e acompanhando a distância a evolução do trabalho de parto. Quanto a fase ativa inicia a doula vai ou para a casa da gestante ou a encontra no hospital para acompanhar a avaliação dos sinais vitais tanto da mãe quanto bebê, a qual não é feita pela doula.
 
o papel da Doula no parto normal ou cesárea - Foto: rlarroyd.com
Durante todo o processo de dilatação, a doula vai ajudar o casal explicando o que está acontecendo, oferecendo apoio físico e emocional, além de orientar, quando necessário o que pode ser feito para ajudar no parto, como: acelerar o processo, melhorar a posição do bebê, diminuir a dor naturalmente com massagens, óleos etc.
O papel da doula no parto é muito extenso e difícil de detalhar, por isso eu gosto tanto dos relatos de partos. Cada casal explica como a doula foi importante no processo das mais diversas formas. Seja pela segurança de ter uma profissional ao seu lado o tempo todo, ou pelas orientações, ou até mesmo para o acompanhante poder descansar sabendo que a doula estará lá para apoiar a gestante. O papel da doula e do acompanhante são completamente diferentes pela experiência que a doula trás para o parto.
o papel da Doula no parto normal ou cesárea - nascimento do Joaquim - Foto: rlarroyd.com
No pós-parto imediato a doula incentiva o contato pele a pele e a amamentação na primeira hora, ajudando a puérpera e a posição o bebê se necessário. Após essa primeira hora, quando o bebê é avaliado pelo pediatra, a doula ajuda a puérpera a comer, tomar banho, a acompanha até o quarto onde novamente o bebê irá mamar se ele desejar. Nesse momento geralmente a doula vai embora.
Após a alta a doula fica ainda à disposição para ajudar nas dúvidas que surgirem com a amamentação e cuidados com o bebê, podendo ser por telefone, internet ou até mesmo a domicílio, caso seja combinado previamente.
o papel da Doula no parto normal ou cesárea - nascimento do Joaquim - Foto: rlarroyd.com
E se for uma cesariana?
Se o parto evolui para uma cesárea ou se já tiver indicação antes mesmo do trabalho de parto, a doula pode acompanhar todo o processo trazendo conforto e apoio. Quando a gestante entra no centro cirúrgico o acompanhante não pode entrar, mas a maioria dos locais autorizam que a doula entre.
A doula ajuda a gestante a se posicionar para receber a anestesia e fica ao seu lado explicando todos os procedimentos que estão sendo feitos (se a gestante quiser saber). Quando a cirurgia começa, o acompanhante entra, e nessa hora eu sempre digo que além de doula viramos também ”fotógrafas” e podemos registrar o nascimento do bebê enquanto estamos ao lado do casal.
Quando o bebê vai nascer pedimos para o anestesista abaixar o campo que tampa a visão da mãe e assim o casal assiste ao nascimento do bebê. Assim que o pediatra autorizar –após avaliação inicial – a doula coloca o bebê em contato pele a pele e incentiva a amamentação ainda durante a cirurgia. Caso a mulher tenha alguma reação ou mal estar durante o processo, a doula fica atenta para pegar o bebê e entregar ao acompanhante. Se a equipe do hospital autorizar a doula veste o bebê ou ensina o acompanhante a vestir. Na recuperação, a doula novamente incentiva a amamentação, dá orientações ao casal antes de partir. O acompanhamento pós-parto acontece da mesma forma do parto normal.
o papel da Doula no parto normal ou cesárea - Nascimento Cissa – Foto: Illusion Estúdio de Imagem
Então, o que NÃO é papel da doula?
A doula não recebe capacitação para realizar qualquer procedimento médico ou de enfermagem. Por isso esse não é o nosso papel. Todo o resto desde aliviar as dores das contrações, ajudar a mulher a se alimentar ou até vestir o bebê. Mas avaliação física da mãe ou do bebê não.
E se a doula que eu contratar tiver formação em enfermagem?
Se ela realizar procedimentos ela não estará atuando como doula e, sim, como enfermeira e, portanto, responsável técnica pelo parto. A atuação de doulas não pode ser confundida com das enfermeiras obstetras/obstetrizes/parteiras e os resultados dessa outra atuação não é o mesmo comprovado no seguinte estudo: “Concluímos que todas as mulheres deveriam ter apoio contínuo durante o trabalho de parto. O tipo de apoio contínuo durante o trabalho de parto mais benéfico parece ser aquele que é oferecido por uma pessoa que está lá apenas para isso, não sendo parte do círculo social da parturiente, que tenha experiência em oferecer apoio a parturientes e que tenha recebido algum tipo de treinamento para exercer este papel.”
 
E vale a pena ter uma doula?
Diversos estudos no mundo comprovam que ter uma doula trás muitos benefícios, alguns estudos estão abaixo:
– Aumentar o acesso de métodos não-farmacológicos para alívio da dor às mulheres durante o trabalho de parto, como apoio contínuo no trabalho de parto e parto.
– Os dados indicam que uma das ferramentas mais eficazes para melhorar o parto e os desfechos é o apoio continuo de uma doula.
– A presença de um apoio um-por-um durante o trabalho de parto e parto está associado com uma melhora na satisfação da paciente e estatisticamente reduz o índice de cesarianas.
Quanto custa ter uma doula?
 
O valor varia muito de cada estado, mas em média uma doula experiente cobra entre 1.300 e 1.500 reais em Santa Catarina. No Rio de Janeiro, Brasília e São Paulo o valor pode chegar a 2 mil reais. Geralmente esse valor inclui tudo o que foi especificado anteriormente: acompanhamento da gestação, parto e pós-parto, mas cada doula trabalha de uma forma, então, é bom entrar em contato e verificar.
Como encontro uma doula na minha cidade?
Você pode buscar na internet ou pedir indicações na sua cidade!
Espero que tenham gostado, mas caso tenha ficado alguma dúvida, pergunte nos comentários.
Cristina de Melo

DoulaSempre fui apaixonada por grávidas e bebês, desde criança, e aos 16 anos acompanhei meu primeiro parto. Aos 17 anos me tornei mãe o ...

Veja o perfil completo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.