10 Ideias Baratas para Curtir as Férias de Julho com os Filhos

O que fazer com os filhos durante as férias escolares de julho se a grana está curta para viajar.

O que fazer com os filhos durante as férias escolares de julho se a grana está curta para viajar? Isso é às vezes um dilema na cabeça dos pais. Mas calma, você pode programar passeios que não custam muito ou mesmo criar atividades sem gastar nada dentro de casa. As crianças adoram ter a participação dos pais nas brincadeiras e só isso já é um grande motivo para elas se divertirem à beça e desenvolverem boas memórias afetivas com a família.

Para isso, vale abusar da criatividade e mergulhar na imaginação infantil. Entrar no mundo lúdico deles é uma forma de garantir momentos prazerosos com as crianças e criar momentos inesquecíveis. Fiz uma listinha de 10 ideias baratas e gratuitas para curtir as férias de julho com os seus filhos:

1 – Passeios pela cidade 

Busque opções de passeio na sua cidade. Certamente existe algum parque mais afastado da sua casa que você ainda não teve oportunidade de levar seu filho ou costuma ser muito lotado aos finais de semana. Se o seu filho tem patins, bicicleta ou skate, a diversão está garantida. Caso não, estimule brincadeiras ao ar livre. Se possível, inclua também na programação visitas a museus, pois alguns possuem dias e horários com desconto em ingressos ou entrada gratuita. 

2 – Festa do pijama

Incentive a convivência com os amigos dentro de casa. Proponha uma festa do pijama, coloque colchões no chão da sala e deixe as crianças se divertirem durante as férias escolares. Você também pode preparar alguns lanchinhos para a brincadeira ficar ainda mais divertida!

3 – Sessão de cinema em casa

Você pode programar uma sessão de cinema para os pequenos com filmes e desenhos infantis. É só organizar a sala, colocar alguns travesseiros ou almofadas e preparar aquela pipoca. Uma opção barata e simples e que os pequenos vão amar. 

4 – Jogos em casa

Aposte em jogos de tabuleiro. Aqui vale perguntar para os amigos e conhecidos se eles têm algum para emprestar. Incentivar a troca de jogos com os amiguinhos deles também é uma boa pedida. Ensine os pequenos como funciona a atividade e a diversão vai rolar solta. Se você não encontrar algum brinquedo pronto, pode criar um jogo da memória com desenhos ou até mesmo brincar de “stop”.

5 – Caça ao tesouro 

Se você mora em um espaço com jardim ou em um condomínio, essa brincadeira pode ficar mais interessante. Mas, se não tem, tudo bem, é só adaptar o espaço. Esconda objetos e guloseimas e trace uma rota para as crianças procurarem. Coloque pistas pelo caminho ou faça que um item encontrado leve a outra descoberta e isso vai tornar a brincadeira muito mais divertida. 

6 – Concurso de desenho

Estimular a criatividade e fazer um concurso de desenhos pode ser um ótimo passatempo. Escolha um tema e lance a ideia para os pequenos. Cronometre o tempo disponível para cada atividade e, pronto, a brincadeira já começou! E você só precisará de alguns papéis, lápis de cor ou giz de cera. Vale pensar em recompensas simbólicas ou um mural para colocar os desenhos.

7 – Guerra de balões 

Qual é a criança que não gosta de fazer “guerrinha” e brincar com água? Então, aproveite isso para criar uma guerra de balões. Basta comprar um pacote deste produto, encher de água até a metade e depois amarrá-los. Separe os pequenos em times e pronto, é só dar a largada na competição.

8 – Picnic na praça

Programe um picnic numa praça ou parque perto de casa. A brincadeira pode começar até antes preparando os lanches em casa ou deixando que escolham frutas que gostariam de levar em uma cesta. Essa é uma oportunidade de proporcionar uma experiência ao ar livre e com alimentos mais saudáveis. Para os pais que não saíram de férias realizar essa atividade no final de semana pode ser uma boa opção. 

9 – Soltar pipa

Os pequenos estão muito habituados aos equipamentos eletrônicos e desconhecem as brincadeiras comuns de antigamente. Que tal aproveitar as crianças de férias para resgatar brinquedos simples? Separe linha, tesoura, cola, papel e palito e prepare uma pipa. Depois, é só ir para algum ambiente aberto e ensinar os pequenos como soltar pipa. 

10 – Acampar no quintal ou na sala de casa

As férias escolares também se transformam em uma oportunidade das crianças desenvolverem habilidades motoras. Você pode montar uma cabana com cadeiras e lençóis e fazer o momento da contação de histórias, assim você estimula a criatividade dos pequenos. Se não tiver um quintal, monte na sala de casa mesmo. 

Além dessas ideias, vale pensar no que você gostava de fazer quando era criança, ensinar algo que eles possam gostar de aprender ou mesmo compartilhar tarefas simples do dia a dia, afinal o que eles mais apreciam é curtir momentos especiais do lado de quem mais amam: a família. Boas férias!

Autoria: * Helen Mavichian é psicoterapeuta especializada em crianças e adolescentes e Mestre em Distúrbios do Desenvolvimento pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. É graduada em Psicologia, com especialização em Psicopedagogia. Pesquisadora do Laboratório de Neurociência Cognitiva e Social, da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Possui experiência na área de Psicologia, com ênfase em neuropsicologia e avaliação de leitura e escrita

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.