Mudança de rotina: Como as famílias que amamentam podem aproveitar melhor as comemorações de fim de ano?

A proximidade do fim do ano desperta em muitas pessoas momentos de reflexão.

. Enquanto alguns se preparam para relaxar, outros aproveitam o avanço da vacinação para planejar as confraternizações e, também, para reunir a família. Porém, neste clima de festas, como as famílias com recém-nascidos ou com crianças que são amamentadas podem se planejar para este período que exige mudança na rotina?

A enfermeira pediatra e consultora em aleitamento materno Eneida Souza, alerta a importância de cuidar do emocional das mães, para que elas consigam manter a produção de leite, possibilitando a continuidade tranquila do processo de amamentação. Porém, essa atenção deve ser redobrada em momentos de mudanças intensas. “O isolamento social que vivemos durante a pandemia reverberou no equilíbrio e na saúde mental de grande parte das pessoas, inclusive daquelas que estão com os hormônios alterados por conta da amamentação. A possibilidade de voltar a reunir os familiares, aliada a rotina intensa com o bebê, é uma grande mudança para muitos, que irão pela primeira vez, depois de um longo período, encontrar um número maior de pessoas. E esse cenário merece uma pitada a mais de atenção”, destaca a especialista.

Segundo Eneida, neste momento, a parceria, a rede de apoio e a utilização de recursos que facilitam o dia a dia dos pais são fundamentais para que a amamentação continue fluindo de forma eficiente, tanto para a mãe, quanto para o bebê. Para tornar as comemorações e a chegada do fim do ano mais tranquila e com menos estresse, a consultora de Philips Avent ressalta, ainda, que os momentos de amamentação podem ser aproveitados por todos aqueles que querem fazer parte desse ritual. “Atualmente, contamos com diversos recursos disponíveis que podem incluir toda a família na hora de amamentar. Com um pouco de auxílio, as comemorações podem ser muito bem aproveitadas por todos”, comenta.

Neste cenário, a especialista elaborou algumas dicas para as famílias que querem aproveitar as festas e estão no período de amamentação. Confira abaixo:

Dividam as responsabilidades: Se o casal for comemorar fora de casa, divida as tarefas. Por exemplo, o parceiro ou parceira pode organizar a bolsa e separar os itens essenciais para a saída com o bebê.

– Prevenidos: Além de roupas para o bebê, lembrem-se de levar uma troca para o casal, caso aconteça de molhar durante a amamentação ou se o bebê regurgitar.

– Esteja preparada: Para se sentir mais segura durante as comemorações, use absorvente de seio descartável ou a concha com base de silicone coletora de leite.

– Fiquem atentos: Certifiquem-se se o lugar para onde irão conta com um espaço seguro, tranquilo e longe do barulho para acomodar o bebê, caso ele se incomode com o som.

– Alinhados: Antes de saírem de casa, decidam o que cada um vai fazer durante a festa, para não se sentirem sobrecarregados e não aproveitarem o momento. Por exemplo, a mãe amamenta e o parceiro ou parceira coloca o bebê para arrotar e dormir.

– Fiquem atentos: Essas comemorações costumam ter grande variedade de alimentos. Se estiverem amamentando, fiquem atentas aos temperos fortes, pratos com muita gordura e bebidas alcoólicas, que podem alterar o sabor do leite para o bebê. Inclusive, na mamada seguinte ao consumo desse tipo de alimento, a criança pode até recusar o leite e, em alguns casos, ter desconforto abdominal.

– Praticidade: Vocês podem usar um bom extrator manual ou elétrico para extrair o leite materno. Desta forma, algum familiar, além dos pais, pode alimentar o bebê, caso seja muito importante para o casal estarem juntos na comemoração.

– Sempre alerta: A babá eletrônica é uma grande companheira para o casal ficar mais tranquilo e aproveitar as comemorações, tanto em sua própria casa ou no local onde estarão. Assim, os pais conseguem monitorar a criança e aproveitar a festa de forma mais despreocupada.

– Dica extra: Para bebês maiores, se houver leite congelado, descongele antes de saírem de casa, transporte a bebida em bolsa térmica, com barra de gelo, e antes de oferecer para a criança, se necessário, utilize um aquecedor. Lembrem-se, o leite materno não pode ser aquecido em alta temperatura, ele deve ser oferecido em temperatura ambiente. Vale lembrar, ainda, que o saquinho de armazenar leite deve ser aquecido em uma bacia com água quente, mas nunca fervendo.

Eneida Souza

Enfermeira pediatra, consultora em aleitamento materno pela Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA-CA) e terapeuta sistêmica para fa...

Veja o perfil completo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *