Publicidade Infantil Antiga

Publicidade sua história e sua importância

A publicidade no Brasil surgiu em meados do século XVIII, com a ação dos mascates de forma bem rudimentar, foi a Gazeta do Rio de Janeiro que publicou o primeiro anúncio no Brasil.

A mídia impressa foi crescendo, a publicidade se fortaleceu no mesmo ritmo da multiplicação do surgimento de jornais e revistas, havia uma grande necessidade dos fabricantes e prestadores de serviços de se promoverem ou seja mostrar e enaltecer os produtos para seus possíveis compradores, o formato dos primeiros anúncios do século vinte são imagens de grandes dimensões e pouco texto, normalmente só o slogan, e não havia regulamentação alguma quanto ao tipo de produto ou sobre a forma de expô-los, utilizando imagens de crianças, anúncios preconceituosos até o momento em que se criou uma regulamentação publicitária em 1980 e em consequência disso o surgimento do Conar, órgão específico que assumiria essa responsabilidade.

A publicidade infantil também foi regulamentada em 1990, impondo-se regras mais rígidas e no decorrer desses anos foram feitas várias alterações visando a proteção infantil.

A publicidade pode criar anseios, vontades, necessidades que não são reais em crianças, um público cuja capacidade cognitiva está em formação, por isso é importante que o anúncios que serão exibidos às crianças sejam adequados e atendam a esta faixa etária de público.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *