O Famoso Sexto Sentido Feminino

Com um cérebro mais leve, já que o órgão delas é anatomicamente menor do que o dos homens, o cérebro das mulheres prioriza escolhas previsíveis e possuem o famoso sexto sentido feminino. Essa façanha acontece porque elas sabem usar os poderes do cérebro a seu favor e, socialmente, também elas se saem melhor

A afirmação é do Dr. Fernando Gomes, médico neurocirurgião e neurocientista do Hospital das Clínicas de SP. Ele conta que, apesar de não comprovado cientificamente, as evidencias mostram que esse não é um sentido extra – além dos cinco que todos nós temos – trata-se de uma mistura deles que se mostra de forma não concreta, mas se manifesta além das aparências. Ou seja, o sexto sentido é aquele que ajuda na tomada de decisões, das escolhas com resultados mais assertivos e ainda pode direcionar, por meio da boa comunicação, para que as mulheres utilizem os próprios recursos a seu favor.

“Teoricamente, o sexto sentido é o saber antecipado e uma mulher consegue perceber quando alguém a olha diferente e quando não é bem vinda no ambiente ao redor. Talvez não seja exatamente algo além da percepção natural, mas talvez um dom que elas possuem em manter a atenção redobrada sobre tudo o que acontece à sua volta”, afirma.

Por essa capacidade — ou por este treino – a mulher é capaz de se atentar e pensar em várias coisas ao mesmo tempo e, assim consegue entender mais rapidamente e ainda pode perceber ‘as coisas no ar’, sem realmente se concentrar nelas — é o subconsciente agindo sem permissão. “E o resultado disso são escolhas assertivas, pensamentos ágeis e mais um impulso do mundo moderno as forçando a atuar em inúmeras funções de uma só vez”, revela.

 

É comum vermos por aí a figura feminina moderna atual exercendo múltiplas funções: mãe, dona de casa, trabalhadora, esposa, amiga e, provavelmente por todas essas exigências elas precisaram se adaptar. Por isso, possuem um pensamento mais acelerado e focado em várias áreas ao mesmo tempo. 

Em razão disso tudo o sexo feminino tem conquistado cada vez mais espaço no mercado de trabalho e há empresas que até priorizam a contratação feminina. “Com características emocionais distintas dos homens, mas com quociente de Inteligência (QI) semelhante ao deles, as mulheres têm pontuações mais altas quanto à inteligência interpessoal, a linguagem e na realização simultânea de todas essas inúmeras incumbências – com competência e precisão”, finaliza o neuro que deixa algumas dicas para potencializar esse dom.
 

  • Para encontrar o seu sexto sentido é preciso ter autoconfiança. Se duvidar dessa capacidade, ele não funcionará como deve. É o tipo de sentimento em que não se deve pensar muito, para não perder sua essência inicial: atente-se ao primeiro sinal, que possivelmente é o certo a seguir.
  • Acredite em si mesma e na sua intuição. Na maior parte das vezes o sexto sentido está certíssimo e pouco importa de onde veio a informação, o que vale é que ela está ali.
  • O cérebro humano é absolutamente incrível, confie nele, que ele sabe o que faz e acredite: a mente feminina é extremamente ativa.

Dr Fernando Gomes

Há 10 anos o médico atua como comunicador já tendo passado pela TV Globo por cinco anos como consultor fixo do programa Encontro com Fátima B...

Veja o perfil completo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.