Televisão Para as Crianças. Aliada ou Vilã?

Dicas e cuidados com a programação por Layse Cohen, influencer e mãe de gêmeos.

Ver televisão não é ruim para as crianças. O ruim é deixá-las horas e horas em frente a TV sem se importar com o que elas estão assistindo na tela. O ruim é não planejar o tempo e nem o conteúdo a que as crianças estão sendo expostas diante da televisão.
 
A televisão é um meio que tanto pode educar como distrair e divertir aos filhos, desde que seja determinado um limite.

A influenciadora digital Layse Cohen, é mãe de gêmeos de 5 anos, e ela conta que nesse momento que estamos passando de caos e conflito, guerra e tragédias, acha importante ter cautela no que as crianças podem ou não ficar expostas ao que passa na televisão.

“Aqui em casa desde cedo eu controlo muito o que as crianças assistem na TV. Desde cedo eu não influenciava eles a ficar muito tempo na frente da TV. Então eu sempre interagi muito com eles para que não ficassem sempre ali alienados nas telas. Até porque, como eles são prematuros, o estimulo para atividades de desenvolvimento é essencial, então eu procuro não deixar as crianças sempre paradas, no computador, no celular e na TV.” conta Layse Cohen.

Conforme as crianças foram crescendo, Layse conta que essa regra ainda continua, “eles assistem desenhos, jogam vídeo game, mas com tempos designados. Como os gêmeos ainda são muito novos, o tempo de TV que eles tem, eu estimulo que assistam desenhos animados, desenhos informativos e tudo que ajude no desenvolvimento deles” esclarece a influenciadora digital.

Segundo Layse Cohen, conteúdos sobre Covid, as mortes que informam nas notícias, e recentemente as aflições e o desespero dos conflitos da guerra, “eu procuro não passar isso diretamente, claro que eu não deixo eles alienados sem informação dos acontecimentos, mas eu procuro passar de forma didática evitando ao máximo deixar eles estressados, angustiados e podendo desenvolver algum tipo de ansiedade” explica Layse.

Layse Cohan é digitalinfluencer de lifestyle,beleza, vida saudável, maternidade, é mãe degêmeos e conta com mais de 1 milhão de seguidores em suas redes sociais.


 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.